SINDAEL - SINDICATO DOS TRABALHADORES EM ÁGUA, ESGOTO E SANEAMENTO AMBIENTAL DE LODRINA E REGIÃO


ACT 2019/2020: Sindicatos pressionam por respostas concretas

ACT 2019/2020: Sindicatos pressionam por respostas concretas

Publicado em 0 Comentário

 Sindicatos deixaram claro que se não tiver uma proposta concreta até o final do mês, dia 6 de junho vai ter paralisação dos trabalhos

Os Sindicatos não estão medindo esforços na busca de soluções que visam agilizar o andamento do processo de negociação para renovação do ACT (Acordo Coletivo de Trabalho) 2019/2020 e inclusive buscaram apoio externo.

Na terça-feira (21/05), foi protocolado ofício junto à Sanepar dando o prazo para a apresentação de uma proposta concreta até o dia 31 de maio e anunciando a possibilidade de promover a paralisação dos trabalhadores e trabalhadora caso isso não ocorra.

Na reunião com a empresa na quarta-feira (22), foram observados alguns avanços, graças à articulação das lideranças sindicais feita junto ao líder do governo do Paraná, deputado Hussein Bakri (PSD).

Estiveram presentes dirigentes dos Sindicatos majoritários e do SIQUIM com o Subchefe da Casa Civil, Alexandre Guimarães. Ele prontamente se inteirou a respeito do assunto e se mostrou surpreso com a demora da aprovação da proposta negociada entre as partes pelo CCEE (Comitê de Controle das Empresas Estatais).

Foi salientado que a proposta foi construída de forma unificada entre os Sindicatos e a empresa, o que deveria tornar este processo mais rápido e menos burocrático. Alexandre se prontificou, então, em viabilizar uma reunião entre o Chefe da Casa Civil, Guto Silva, e o Presidente da Sanepar, Cláudio Stabile, para desenrolar a discussão em torno do ACT.

A diretora Administrativa, Priscila Marchini Brunetta, demonstrou preocupação com a situação e disse que assim que recebeu o ofício informando do prazo dado pelas entidades sindicais o repassou tanto ao presidente da Companhia de Saneamento do Paraná, quanto ao Chefe da Casa Civil do Estado. Afirmou ainda, que na manhã de desta quinta-feira (23) toda a diretoria estará reunida no entorno desta questão a fim de que, no máximo na semana que vem, seja possível apresentar uma proposta referente ao Acordo.

De qualquer forma as entidades sindicais majoritárias (SAEMAC, SINDAEL, SINDAEN e STAEMCP), juntamente com o SIQUIM, representando os técnicos, se reuniram para retirar alguns encaminhamentos e, caso não haja um posicionamento concreto da Sanepar até o dia 31 de maio, no dia 3 de junho a Sanepar e os Órgãos Oficiais, entre eles o Ministério do Trabalho serão notificados sobre a paralisação dos trabalhos no dia 6 de junho em forma de advertência.

Os Sindicatos orientam os trabalhadores e trabalhadoras a ficarem atentos ao desenrolar nas negociações do ACT para que seja construída uma forte mobilização capaz de assegurar uma proposta que se aproxime da pauta de reivindicações.

A Sanepar tem apresentado um excelente desempenho nos últimos anos e os saneparianos sabem muito bem qual é o seu papel, cabendo à direção da empresa e aos órgãos responsáveis pela aprovação do ACT 2019/2020 reconhecer este empenho de fato, deixando de lado os discursos de terra arrasada que todos estão cansados de ouvir.

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *